sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Olhar que fala



Que bom é olharmos quem amamos
muitas vezes até sem nada dizer,
pois os olhos dizem bem o que se sente
sem que a magia se venha a perder!

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Amor de verdade



Não pude dizer que te amava
embora meu coração gritasse,
enquanto minha boca desejava
apenas que a tua boca me beijasse...

Ouvi teu olhar me dizer
que teu  corpo ardia descontrolado
queimando de desejo e de prazer
por me sentires a teu lado!

Senti pulsar junto ao meu peito
teu coração emocionado
enquanto me abraçavas de um jeito
envolvente, doce, tão apertado...

Queria sentir e não senti,
fiquei sem forma de o fazer...
Somente penso em ti!!!
Gigante ânsia a de te ver!

Disfarcei com o sorriso a vontade...
... enganei me a mim e a ti,
omitindo esse amor de verdade
beijei te o rosto, olhei te fundo e saí...

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

À Senhora das bananas



Olhei teus olhos cansados
da vida, do trabalho, da solidão,
estavas só como os abandonados,
e tinhas pouco em tua mão.

Negociavas tostão a tostão
tentando adquirir como uma louca,
mais uma migalha de pão
que pudesses por em tua boca...

Pesavam os oitenta anos que te envolvem,
pesava em ti uma vida trabalhosa...
Enojou - me tudo o que te via
e te permitia essa vida desonrosa...

Não quero assim como tu envelhecer
ó velha Senhora desconhecida,
prefiro morrer já sem sofrer,
ao ter de contar trocos p'ra comprar vida!